Cabotagem   

A cabotagem ocorre quando uma companhia aérea estrangeira transporta um cliente entre um ponto de origem nos Estados Unidos e um destino nos Estados Unidos (incluindo os territórios americanos), independentemente do ponto de conexão (Estados Unidos ou internacional).

Como regra geral, quando a Delta estiver vendendo um bilhete para uma viagem que se origina nos Estados Unidos ou em um território americano* e termina nos Estados Unidos ou em um território americano, pelo menos um dos segmentos precisa ser em uma companhia aérea americana, mesmo que o ponto de conexão seja em um país estrangeiro.

Exemplos

Se a viagem tem origem em uma cidade nos EUA, a Delta não pode vender um bilhete para Guam (GUM) com uma conexão em Seul, Coreia (ICN) se nenhum dos voos for operado por uma companhia aérea dos EUA.

  • ATL para ICN em KE com conexão para GUM em KE é considerado cabotagem

A Delta pode vender bilhetes para Guam (GUM) com uma conexão em Seul, Coreia (ICN) se uma das companhias aéreas for dos EUA (sem voos com codeshare).

  • ATL para ICN em DL com conexão para GUM em KE é aceitável desde que um dos voos seja em DL (uma companhia aérea americana esteja representada).

*Os territórios americanos são Guam, San Juan, Porto Rico, Ilhas Virgens Americanas, Samoa Americana, Federação dos Estados da Micronésia e as Ilhas Midway.

 
Durante sua visita ao Delta Professional, recomendamos usar um dos seguintes navegadores compatíveis. Usar um navegador mais antigo ou não compatível pode resultar em uma experiência menos agradável para o usuário.