Bagagem - Atualização de bagagem permitida e regras de cobrança da IATA   

Em vigor para bilhetes emitidos a partir de 1º de abril de 2011, para viagens envolvendo transporte entre companhia áreas ou voos codeshare nos quais as várias companhias aéreas aplicam diferentes franquias de bagagem gratuita, a Resolução 302 da IATA determinará qual política de bagagem deverá ser aplicada. A política de bagagem da companhia aérea mais significativa (Most Significant Carrier, MSC), geralmente a primeira transportadora operando internacionalmente, deve ser aplicada a todo o trecho despachado da viagem.

Para viagens de/para os Estados Unidos, o DOT define a MSC como a companhia aérea comercializadora do primeiro trecho internacional, e não a companhia aérea responsável pela operação do voo. Além disso, o DOT exige que as regras de saída da MSC se apliquem a todo o percurso, e não apenas à porção despachada da viagem.

Os exemplos na tabela abaixo demonstram como a cobrança da bagagem é aplicada aos itinerários entre companhias áreas. Os passageiros pagarão as taxas de bagagem aplicáveis no primeiro ponto de contato da sua viagem. Os passageiros que já começaram a sua viagem não serão cobrados por bagagem em pontos intermediários.

Exemplos

 Abaixo estão dois exemplos de rotas e de como as taxas de bagagem seriam determinadas:

 

Rotas

Companhia aérea comercializadora

Companhia aérea responsável pela operação

Regra DOT –

Aplica-se a viagens para/dos EUA

Aplicam-se as regras da companhia aérea comercializadora mais significativa

Resolução 302 da IATA –

Aplica-se a todas as viagens, exceto:  Para/dos EUA

Aplicam-se as regras da companhia aérea responsável pela operação mais significativa

 

ATLCDG

CDGFRA

  DL

  LH

AF

LH

Sim – aplicam-se as taxas e as franquias de bagagem DL

n/d

YULCDG

CDGFRA

 DL

 LH

AF

DL

Não – a viagem não é para ou dos EUA

Sim – aplicam-se as taxas e as franquias de bagagem AF

Dada à complexidade da Resolução 302, a Delta não pode implementar essas regras sem automação. O esforço de desenvolvimento está em andamento, mas não estarão em vigor até 1º de abril de 2011. Até a automação ser completada, a Delta continuará a aplicar a franquia de bagagem e as taxas como nós fazemos hoje; a permissão da Delta e as taxas serão aplicadas à completa porção despachada da viagem. Informações adicionais serão fornecidas uma vez que a Delta esteja apta a aplicar a franquia de bagagens e as taxas de acordo com a Resolução 302.

 
Durante sua visita ao Delta Professional, recomendamos usar um dos seguintes navegadores compatíveis. Usar um navegador mais antigo ou não compatível pode resultar em uma experiência menos agradável para o usuário.