Política da Delta para bagagens despachadas para o destino final   

Para viagens a partir de 11 de janeiro de 2016, a Delta fará exclusivamente o check-in da bagagem do passageiro, entre os aeroportos de origem e destino, que sejam emitidos de forma casada (no mesmo bilhete)*. Quando for feita a emissão de apenas um bilhete, a Delta continuará despachando a bagagem diretamente para o destino final em itinerários com companhias aéreas parceiras.  Caso seja apresentado um segundo bilhete para outro trecho da viagem, a Delta despachará a bagagem apenas para o destino do(s) bilhete(s) Delta. A bagagem poderá ser retirada no destino do bilhete da Delta e, depois, despachada novamente pelo cliente junto à companhia aérea subsequente encarregada do próximo voo.

* Bilhete único também significa bilhete conjunto (ou unificado). Os bilhetes conjuntos têm números sequenciais no mesmo grupo de bilhetes.  Não é possível unificar bilhetes de companhias aéreas diferentes.

Exceções

Em casos como os apresentados abaixo, quando mais de um bilhete é apresentado, a Delta continuará despachando a bagagem da origem até o destino final.

  • Uma jornada completa (itinerário) consiste em voos comercializados e operados pela Delta.
  • Prêmio SkyMiles mais um bilhete com voos comercializados e operados pela Delta
  • Bilhete Delta mais um bilhete em uma das seguintes companhias aéreas parceiras da Delta:   
    • Aeroméxico (AM)
    • Air France (AF)
    • Alitalia (AZ)
    • China Eastern (MU) 
    • GOL (G3)
    • Jet Airways (9W)
    • KLM (KL)
    • Korean Air (KE)
    • Virgin Atlantic (VS)
    • Virgin Australia (VA)
  • Bilhete Delta mais um:
    • Bilhete SkyTeam
    • Bilhete com viagem em uma feira Visit USA (VUSA)
    • Conexão em um voo fretado (charter) da Delta
 Informações para Agências de Viagens

A Delta recomenda a criação de um único bilhete, em vez da emissão de bilhetes separados, sendo a melhor prática para garantir que a Delta possa despachar a bagagem do passageiro para o destino final.

Se uma agência de viagem emitir um itinerário com diversos bilhetes, a agência emissora deverá:

  • Informar a passageiro de que ele deverá retirar e despachar novamente sua bagagem, se seu itinerário for emitido em diversos bilhetes.
  • Assegurar-se de que o itinerário reservado dá ao passageiro tempo suficiente para a retirada e novo despacho das bagagens. Atenção: Quando bilhetes independentes são emitidos, pode haver problemas de conexão. Tempos de conexão mínimos (Minimum connection times, MCT) em um GDS são aplicáveis somente quando um itinerário é vendido como conexão, não quando voos são vendidos por segmento de voo. 
  • Informe o passageiro que a Delta não é responsável pela perda de conexões, incluindo atrasos ou irregularidades de voo, que resultem na perda de uma conexão para um voo com bilhetes emitidos de forma separada.
 Exemplos de bilhete único e bilhetes múltiplos

Exemplo de bilhete único:

  • Bilhete 1 - ATL-LAX em um voo da Delta com CONEXÃO com outra companhia aérea operando LAX-NRT.

Política Delta: A Delta fará o check-in da bagagem de ATL para LAX e, de LAX, para NRT.

Exemplo de múltiplos bilhetes:

  • Bilhete 1 – ATL-LAX em um voo Delta
  • Bilhete 2 – LAX-NRT em uma companhia aérea diferente

Política Delta: A Delta fará o check-in da bagagem somente para o voo de ATL para LAX.  No momento da chegada do voo em LAX, o passageiro deverá retirar sua bagagem na área de retirada de bagagem da Delta e então despachá-la novamente junto à companhia aérea responsável pelo próximo voo de LAX para NRT.

 
Durante sua visita ao Delta Professional, recomendamos usar um dos seguintes navegadores compatíveis. Usar um navegador mais antigo ou não compatível pode resultar em uma experiência menos agradável para o usuário.